database-partsTerminamos o artigo anterior mostrando como criar um database de referência. Conforme o que foi dito, é muito importante que você tenha uma base de referência para poder usufruir das melhores funcionalidades do ChessBase.

Caso você queira monta a sua base de referência por sua conta e risco, vamos aqui mostrar um caminho para você. Não é difícil montar a sua base por você mesmo, mas é um processo lento e demorado, mas que no final poderá ser recompensador, visto que você não vai precisar gastar dinheiro.

Se você vai partir para criar a sua própria base de referência, é necessário você ter acesso a sites que possuem partidas de grandes jogadores. Não faz muito sentido você montar uma base de referência, com partidas de jogadores de nível duvidoso, pois o resultado das análises do ChessBase refletirá isso, ou seja, uma análise duvidosa.

Eu usei o site Chessgames para poder pegar os PGN (em um momento oportuno falaremos de formatos de arquivos de Xadrez) dos principais jogadores do mundo, e de todos os tempos. Basicamente eu selecionei jogador por jogador, e fui fazendo o download de todas as partidas. Para trazer estar partidas para dentro da minha base de dados de referência eu fiz os seguintes procedimentos:

Abrindo a base de partidas geradas pelo Chessgames

screen-shot-2017-02-08-at-7-08-44-pm

Click com o botão direito do mouse dentro do painel de databases, irá aparecer uma caixa de diálogo e você vai selecionar a opção Open Database. Depois disso você vai até o local onde está o arquivo com o download das partidas e o seleciona. Para efeito de testes, eu abri uma base de dados chamada teste.

screen-shot-2017-02-08-at-7-12-43-pm

Observem a base de dados já está sob controle do ChessBase. Basta agora você dar um click em cima da base de dados que acabou de abrir (no caso teste), segurar o click, e arrastar em cima da sua base de dados de referência. Isto já irá copiar todas as partidas que estejam nesta base de dados que você abriu para a sua base de dados de referência. Você deve fazer isso todas as vezes que desejar acrescentar partidas na sua base de dados de referência. É desta forma que eu estou sempre atualizando a minha com as partidas semanais da TWIC.

Um problema que pode ocorrer com este procedimento, é a possibilidade de acabar trazendo partidas repetidas para a sua base de dados de referência. Como já foi dito no artigo anterior, isto causará problemas quando o ChessBase for fazer uma análise de uma determinada posição. Para você evitar este problema, vá até a sua base de dados de referência e de um click com o botão direito.

screen-shot-2017-02-08-at-7-22-42-pm

Depois disso, basta posicionar o cursor em cima da opção Tools que logo aparecerá outra caixa de diálogo, onde você terá a opção Find Double Games. Pronto selecione esta opção e remova as partidas em duplicidade da sua base de dados. Isto deixará a sua base mais precisa com relação as análises que o ChessBase vier a produzir.

Eu citei os passos para você criar a sua base de dados de referência por conta próprio, mas você pode comprar a MegaDataBase, e se poupará do trabalho de criar manualmente, porém para manter a base sempre atualizada, sugiro estar sempre acrescentando as partidas semanais que o TWIC gera. E mesmo que seja uma base comprada, sugiro que você faça esta verificação de partidas em duplicidade, só para garantir uma melhor análise.

Varela

5 comentários em “ChessBase – Montando sua base de Referência – Parte II

  1. Vi que você tem varias bases uma por jogadores (fisher, kasparov etc…) uma por torneios (brasileiro, alagonano etc) e uma base de referencia. Nao seria melhor colocar tudo em uma unica base? Ou e melhor dividir mesmo??? Na hora de procurar uma posição especifica tem como o chessbase buscar em todas as bases existentes ??? ou só vai buscar na base de referencia ???? Parabens pelo blog

    Curtir

  2. Mas eu tenho tudo em uma só, na YODA. Eu separo em bases separadas quando quero estudar algo específico. Quanto a sua pergunta quanto a procurar por posições específicas, sim, o ChessBase faz isso.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s